Portal de Notícias

Câmara Municipal de União da Vitória

Home / Notícias / 16ª SESSÃO ORDINÁRIA

16ª SESSÃO ORDINÁRIA

As Indicações ficaram por conta dos Vereadores: Alex de Anastácio (PSD) para inclusão de duas vias do Bairro Cristo Rei no Programa de asfalto, Cordovan Frederico de Melo Neto (PP) para instalação de equipamentos que emitem ruídos ultrassonoros para combater pombos em quadra do Bairro Limeira e no terminal central de transporte coletivo; Waldir Luis Cortellini (PSB) para reinstalação de bancos em vias do Bairro São Cristóvão, Júlio Adilson Pires (PP) para pavimentação asfáltica em via do Bairro São Basílio Magno e a Vereadora Alandra Roveda Grando (PL) para a implantação de software Consulfarma para a Farmácia Municipal.

Cordovan Melo Neto (PP), Vereador e Presidente da Casa de Leis, utilizou a palavra no Grande Expediente para falar sobre a não inscrição de União da Vitória nas modalidades coletivas nos Jogos Abertos do Paraná e a Secretaria de Esportes. Cordovan falou sobre a situação na Secretaria, citando sua última visita com os responsáveis, fazendo críticas e sugestões para melhorar tão importante área do Executivo, que necessita envolvimento contínuo com as demais secretarias. Cordovan lembrou da época em que foi secretário de esportes, o envolvimento de todos, incluindo estudantes e o benefício à toda Cidade, inclusive financeiro, e ressaltou a importância do esporte para jovens e crianças. Cordovan Neto lembrou ainda aos atletas que queiram participar nas modalidades individuais, ainda podem fazer sua inscrição para participar dos Jogos Abertos .

Valdecir José Ratko (UNIÂO) também fez uso da palavra no Grande Expediente, demonstrou seu apoio às palavras do colega Cordovan Neto citando também sua passagem pela Secretaria de Esportes. Ratko também fez diversas críticas à SANEPAR, citando diversas situações de obras inacabadas que além do transtorno, demoram muito tempo para arrumar, prejudicam a população e quando a Empresa arruma, deixa o serviço mal executado.

Foi aprovado por unanimidade em votação única o Projeto de Lei 13/2022 que altera a Lei Municipal N.o 3058/2003 que dispõe sobre a reestruturação da organização funcional de recursos humanos da Prefeitura Municipal de União da Vitória.
Em 2ª discussão foi aprovado por unanimidade o Projeto 9/2022 que denomina Rua no loteamento Furlan de Dr. Zani Farah e 12/2022, que denomina de Claudinei Alexandrino Pereira – CAU a mini arena no Bairro Rio D´Areia.
Foi aprovado em 1ª discussão o Projeto 50/2021 que cria no Âmbito Municipal a Câmara Mirim.
Já o Projeto 17/2022, que dispõe sobre a reserva de vagas em concursos públicos no Município de União da Vitória para candidatos afrodescendentes, de autoria do Poder Executivo, foi reprovado em 1ª discussão, com 7 votos contrários: Anderson, Pires, Ratko, Alandra, André, Sidney e Cortellini. O Projeto foi motivo de muita discussão entre os EDIS, onde os votos contrários manifestaram e justificaram sua opinião, que a aprovação do Projeto proposto não beneficia a comunidade, tornando injusto se aplicada, beneficiando uns e não levando em consideração a capacidade individual de todos.
O Projeto de Lei 30/2022, que altera a Lei Municipal N.o 4997/2021 criando a ouvidoria geral do Município e dá outras providências, foi aprovado por unanimidade.

Requerimentos aprovados: do Vereador Alex de Anastácio (PSD) para um novo espaço para abrigar o CAPS situado na Rua Clotário Portugal; em discussão os colegas apoiaram Alex para o requerimento proposto lembrando a necessidade urgente da nova estrutura, e o Presidente Cordovan também pediu a palavra, lembrando do espaço onde funcionava a Casa Abrigo. Emerson Lourenço Litwinski (PTC) solicitou notas fiscais em processo licitatório que contratou Empresa que faz locação de som destinado à eventos no Município, o requerimento foi aprovado com o voto contrário do Vereador Anderson Cardoso (PROS).

A moção de pesar foi proposta por todos os Vereadores pelo falecimento do Sr. Paulo Camilo Cripa, avô do Vereador Anderson Cardoso (PROS).

A Palavra Livre foi utilizada pelos Vereadores Valdecir José Ratko, Thays Bieberbach, Emerson Lourenço, Ednilson de Godoy, Alandra Roveda e Anderson Cardoso. Alandra justificou seu voto contrário ao Projeto que beneficia afrodescendentes, a Vereadora defendeu a meritocracia sem defender um tipo de grupo, onde o mérito sempre deve depender do esforço de cada pessoa, e em governos anteriores o peixe era dado sem ensinar a pescar, lembrou que é necessário fortalecer o primeiro emprego, fazer com que o jovem comece a trabalhar.

O Presidente Cordovan Melo Neto finalizou a Sessão reforçando sua indignação com a atual Secretaria de Esportes e agradeceu a aprovação unânime dos colegas ao Projeto de Lei de sua autoria principal sobre a criação da Câmara Mirim

Manoela de Paula e Souza
Assessora de Comunicação – Câmara de União da Vitória

Veja Também

APROVADO EM SESSÃO EXTRAORDINÁRIA

Na manhã desta terça-feira, 14 de dezembro /2023, aconteceu a 11ª Sessão Extraordinária. Durante a …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *