Home / Notícias / Legislativo lamenta falecimento de vereador de Porto Vitória
Luiz Barbosa morreu na segunda-feira, 17, se tornando a primeira vítima de Covid-19 do município vizinho (Foto: Reprodução)

Legislativo lamenta falecimento de vereador de Porto Vitória

Com sessão extraordinária e com a participação remota dos vereadores Cesar Empinotti e Sandra Pinheiro, a reunião do Legislativo de União da Vitória aprovou Moção de Pesar pelo falecimento do presidente da Câmara de Porto Vitória, Luiz Carlos Barbosa, 68. O parlamentar se tornou a primeira vítima da Covid-19 na cidade. Ele estava internado na UTI do Hospital Regional desde o dia 29 de julho e na segunda-feira, 17, faleceu. Barbosa tinha vasta experiência política, era vereador de terceiro mandato e havia anunciado pré-candidatura para o pleito de 2020. Era ainda motorista da ambulância da Secretaria de Saúde, no transporte de pacientes à Curitiba (PR). Barbosa deixa quatro filhos.

Com votações também na sessão extraordinária, os vereadores aprovaram o Projeto de Lei 32, de 2020, que regulamenta a definição e funções dos cargos em comissões do Executivo. O segundo artigo da Lei 4733, de 1997, descria as ocupações, mas, não eram exatamente claros. Da maneira em que estava redigida, a Lei permitia entender que os funcionários poderiam fazer além do seu trabalho. O Tribunal de Contas determinou ajustes na redação. Com a votação favorável, o segundo parágrafo do documento ficou mais claro, mantendo o que é o que faz cada setor e comissionado.

A Casa acolheu ainda duas Moções de Aplausos. A primeira, para a subtenente Patrícia, do Corpo de Bombeiros de União da Vitória. “Esta guerreira do fogo faz parte da primeira turma de bombeiras do Estado, sendo a primeira mulher a conquistar o mais alto posto como praça, sido promovida a subtenente”, pontua o texto.

Aplausos também pela comemoração dos 49 anos de fundação da Associação Atlética Iguaçu, lembrados no dia 15. Neste ano, por conta da pandemia, não houve festa, apenas manifestações pela rede social.

Indicações

A Casa acolheu ainda as Indicações número 30, 31 e 31. Os documentos pedem a colocação de uma linha que atenda a comunidade de Rio dos Banhados, Porto Almeida e Barra do Palmital. Ainda, para patrolamento nas ruas da Colônia Pinhalão e finalmente, a pavimentação da rua Castor Gomes, no Loteamento Furlan.

TRANSPARÊNCIA NA INFORMAÇÃO

A transmissão das sessões ao vivo está suspensa até o dia 15 de novembro. A medida, já utilizada em 2016, visa manter igualdade entre os candidatos (os que estão na Câmara e tentarão a reeleição e os futuros, que não tem o mesmo espaço para divulgar seu trabalho).

No entanto, a comunidade poderá ter acesso ao conteúdo das reuniões nos canais oficiais da Câmara de Vereadores, como a página no Facebook e também no site, onde as pessoas podem ter conhecimento dos projetos em discussão e até do que já foi discutido.

O passo a passo é: acesse o site da Câmara, vá na aba Sessões, depois escolha entre Projetos, Preposições, Projetos em Trâmite. Ficam disponíveis, por exemplo, o período e autor dessa documentação. É rápido e bem fácil. A pauta da sessão, a partir da próxima semana, será publicada também no site, horas antes do início da sessão.

Vale lembrar que o acesso do público está limitado por conta das orientações de saúde para a pandemia.

Fotos: CMUVA

 

Veja Também

PLO que considera Visão Monocular deficiência é aprovado em 2°. turno

Imagine um mundo visto apenas parcialmente. É mais ou menos assim que quem tem visão …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *