Home / Notícias / Vereadores participam de evento técnico sobre erva-mate

Vereadores participam de evento técnico sobre erva-mate

Durante toda a tarde de quarta-feira, 21, os parlamentares de União da Vitória, César Empinotti, Jair Brugnago, Fernando Vier, Gilmar Pogogelski, Albino Schuersivski e o presidente do Legislativo, Ricardo Sass,  acompanharam as apresentações do evento técnico, promovido pela prefeitura (por meio da Secretaria da Agricultura) e Emater, sobre erva-mate. A reunião, que mostrou a importância do cuidado com a planta, da qualidade do solo e do manejo correto, aconteceu na Casa Familiar Rural, em São Domingos. Técnico, o encontro foi de orientação profissional, para garantir os cuidados de todo o processo, com foco no sucesso de um bom erval.

Embora cidades vizinhas, como Cruz Machado, ainda protagonizem a produção na região na Amsulpar como maiores produtoras de erva (na verdade, Cruz é a maior produtora mundial da planta), União da Vitória vive um novo momento na cultura.

Dados da Secretaria da Agricultura apontam que houve um incremento na produção de um milhão de tonelada de 2017 para o ano de 2018. A cidade figura hoje com 10,5 milhões de quilos anuais e a região centro-sul do Paraná responde por 60% de toda a erva-mate produzida no Estado.

Pensando fora da cuia

A erva-mate colocou o Paraná no mapa do País e do mundo, chegando a representar 85% da economia no final dos anos 20. O ciclo econômico da planta foi um dos grandes ciclos da economia brasileira. Iniciou em 1820 e declinou junto com o restante da economia mundial na crise de 1930. Até este período, foi a base econômica dos estados do Sul. Não é à toa que, além da araucária, o ramo da erva-mate está no brasão da bandeira do Estado.

Mas, o que ser quer no momento, é pensar fora da cuia, ou seja, entender que erva-mate não serve apenas para o chimarrão ou tererê. Até porque, segundo alguns estudos, o consumo da planta traz benefícios à saúde por conta de suas funções orgânicas.

Veja Também

Critérios para vagas nos Centros de Educação Infantil começam a valer hoje, 7

Prioridade na fila de espera para vagas nos Centros Municipais de Educação Infantil é o …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *