Portal de Notícias

Câmara Municipal de União da Vitória

Home / Notícias / 36ª SESSÃO ORDINÁRIA

36ª SESSÃO ORDINÁRIA

As Indicações ficaram por conta dos Vereadores: Alex de Anastácio (PSD) que solicitou a prática da Lei 5071/2023 que dispõe sobre o alinhamento de cabos e fiação aérea e remoção dos excedentes, instalados por pessoa jurídica que opere ou utiliza rede aérea no Município e para solução de escoamento de água em altura da rua Coronel Amazonas; José Gilso Lenczuk (PL) para melhorias em via do Bairro São Braz e Waldir Luiz Cortellini (PSB) para instalação de redutor de velocidade na comunidade São José no Rio Vermelho.

A Tribuna Popular foi utilizada pelo Professor Pedro Rodrigues Sousa da Cruz, que falou sobre o dia da consciência negra, celebrado em 20 de novembro. O professor lembrou a importância da reflexão, sobre quem somos enquanto país, o que não pode ser compreendido ignorando a história do colonialismo, se não entendermos a história, não conseguimos construir um futuro melhor, segundo o professor, que referiu-se ao Brasil como um país muito africano, pois, segundo ele, além dos países da África, o Brasil evidencia os valores da raça. A forma como as pessoas se manifestam, a cultura se faz presente na língua, cultura e também na tecnologia com contribuição dos povos africanos, segundo o professor.  Pedro ainda enfatizou que negar tudo isso é negar a vida, e que 300 anos de escravidão não se apagam de um dia para o outro, e que a história muitas vezes é ignorada por um preconceito que existe e persiste até os dias de hoje.

Em votação única, foram aprovados em unanimidade: A emenda nº1 do Projeto de Lei Ordinária nº 19/2023 que acrescenta o dispositivo ao PL nº 19/2023 o qual cria o Programa de Assistência às Mulheres Vítimas de Violência Doméstica no âmbito do Município de União da Vitória; e o próprio Projeto de Lei 19/2023 que cria o programa de assistência às mulheres vítimas de violência doméstica no âmbito de união da Vitória. Também foi aprovado o Projeto de Lei 45/2023, que dispõe sobre o auxílio financeiro da união para complementação do piso salarial nacional dos enfermeiros e técnicos de enfermagem da área de saúde pública repassado à Prefeitura Municipal de União da Vitória, referente ao exercício de 2023, dispostos na Lei Federal nº 14.434, de 04 de agosto de 2022, e dá outras providências.

O Requerimento acolhido pelos Vereadores foi para averiguação do Plano diretor a previsão de construção da nova Escola Padre Giuseppe Bugatti e a moção acolhida pelos Vereadores foi de reconhecimento e celebração pelo dia da Consciência Negra comemorado em 20 de novembro.

Os Vereadores que utilizaram a palavra no Pequeno Expediente foram: Clodoaldo Cleverson  Goetz (PV) que falou sobre o trabalho da carreta solidária ADRA que veio para União da Vitória colaborando com a população atingida pela enchente através de auxílio alimentar e higiênico, contando com a ajuda de tantos voluntários.
Alex de Anastácio (PSD, André Cristiano Henik (SDD), Anderson Cripa Luís Cardoso (PROS), Waldir Luiz Cortellini (PSB) e Valdecir José Ratko (UNIÃO) também utilizaram a palavra no Pequeno Expediente e o assunto mais comentado foi a expectativa para a realização da Audiência Pública “Solução para a Enchente no Rio Iguaçu”,  aprovada através de requerimento em unanimidade nas Câmaras Municipais de União da Vitória e também em Porto União, sendo em União dá Vitória uma iniciativa através do requerimento dos Vereadores Valdecir José Ratko, Anderson Cripa Luís Cardoso, André Cristiano Henik e Júlio Adilson Pires Filho. O objetivo é oportunizar a apresentação de propostas ou projetos com embasamentos técnicos e científicos de quem teve o interesse em protocolar e apresentar suas propostas. Para isto, foi desenvolvido um regulamento onde os interessados protocolaram nas Câmaras municipais suas propostas. Serão apresentados estudos de propostas e projetos; e também lidas e ouvidas perguntas da população relacionadas aos projetos em questão, direcionadas às autoridades competentes que se fizerem presentes. Sendo de extrema importância para a população cobrar das autoridades competentes uma resposta, com prazos, além de estudos e execução de projetos , mesmo que paulatinamente, para solucionar ou minimizar os problemas causados pelas cheias do Rio Iguaçu, é fundamental que toda a população compareça. A Câmara Municipal de União da Vitória e também de Porto União contam com a presença da população, na quarta-Feira, 22 de novembro, 18h30 no Cine Teatro Luz.

Manoela de Paula e Souza
Assessora de Comunicação e Cerimonial da Câmara Municipal de União da Vitória.

Veja Também

APROVADO EM SESSÃO EXTRAORDINÁRIA

Na manhã desta terça-feira, 14 de dezembro /2023, aconteceu a 11ª Sessão Extraordinária. Durante a …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *