Portal de Notícias

Câmara Municipal de União da Vitória

Home / Notícias / Vereadores dizem não a presídio semiaberto

Vereadores dizem não a presídio semiaberto

Da Assessoria – A reunião ordinária do Poder Legislativo, realizada na segunda-feira, 11, foi marcada por um posicionamento contundente dos Vereadores de União da vitória. Por meio do requerimento Nº 229/2013, que trata da implantação do presídio de União da Vitória, os Vereadores Ricardo Adriano Sass (PSC), Altair Lourenço de Souza (PT), Altamir Moreira de Castilho (PDT), Carlos Humberto Topolski (PSB), Carlos Romeu Bueno (PMDB), Clarito de Nivardo Barbosa (PP), Daniel Fernando Rocha (PMDB), Gilmar Jarentchuk (PT), Luilson Schwartz (PTB), Mario Lucio Pereira Ferreira (SDD), Valdecir José Ratko (PSDB), Waldir Luiz Cortellini (PSB) e Ziliotto Daldin (PSD), dissera, não ao Presídio Semiaberto.

Pelo texto do requerimento, os representantes do povo solicitam ao Prefeito Municipal, para que antes de proceder a doação de terreno ao Governo do Estado do Paraná, com o objetivo de construção de um presídio em União da Vitória, se certifique com a Secretaria de Justiça (Seju – PR), e somente faça a doação após o comprometimento de construção de um presídio fechado, e não o Centro de Integração Social para Presidiários, em regime semiaberto.

Os Vereadores querem garantias de que toda a estrutura carcerária da 4ª SDP passe para o novo presídio, e não somente os de regime semiaberto. Os legisladores entendem que um presídio semiaberto não solucionará os problemas de carceragem, ao contrário, podendo até mesmo nos trazer sérios problemas de segurança. O requerimento não precisou ser votado por conter a assinatura dos treze Vereadores e segue agora para o conhecimento do Prefeito Municipal.

Jair Nunes – Assessoria de Comunicação e Cerimonial.

Veja Também

15ª SESSÃO ORDINÁRIA

As indicações foram de iniciativa dos vereadores: Ednilson de Godoy (DC), que solicitou a inclusão …