Home / Vereadores / Almires Bughay Filho / Câmara quer instituir Programa de Equoterapia no Município

Câmara quer instituir Programa de Equoterapia no Município

Autoria do Projeto de Lei que cria o Programa é do vereador Joarez Tica em parceria com Almires Bughay Filho. Projeto entra na pauta na próxima reunião, dia 29 e terá primeira votação na sessão 15, dia 5 de junho

Os vereadores Joarez Tica, Almires Bughay Filho e Emerson de Souza, estiveram na tarde desta sexta-feira (26), no Rancho 2N, localizado na BR-476, próximo ao Hospital Regional para ver de perto como é desenvolvido o projeto Centro de Equoterapia e Equitação Rancho 2N, que é coordenado pelo profissional de educação física Raphael Hirsch Bohrer.

O Centro oferece serviços de fisioterapia, psicologia, pedagogia e educação física para aproximadamente 60 pessoas com necessidades especiais por semana. Atuante em União da Vitória desde 2014, auxilia no tratamento dessas pessoas a partir de atividades desenvolvidas com cavalos.

Equoterapia: É uma atividade que exige a movimentação de corpo inteiro por parte do praticante e assim, ajuda no desenvolvimento da força, tônus muscular, flexibilidade, relaxamento, conscientização do próprio corpo e aperfeiçoamento da coordenação motora e do equilíbrio, além de auxiliar no tratamento de depressão, stress, ansiedade e de transtornos comportamentais relacionados à aprendizagem. (Fonte: Rancho 2N)

Segundo o vereador Tica, essa é uma prática que deveria ter o apoio por parte da Prefeitura, pois o trabalho realizado pelo Rancho é de cunho particular, as pessoas pagam mensalidade para realizar a atividade uma vez por semana durante 30 minutos.

Relata ainda, que existe um Projeto do Executivo, mas que está sem ser desenvolvido desde o ano passado, e que foi devido a isso que foi tomada a iniciativa, pois diversas famílias que participavam desse Programa, procuraram a Câmara de Vereadores para relatar a atual situação e cobrar a continuidade das aulas.

“Seria muito importante que esse investimento fosse feito pelo Executivo para que as famílias em geral de nosso Município, que não dispõem de condições para pagar uma quantia em mensalidade, sejam contempladas, façam gratuitamente a equoterapia e desenvolvam a saúde física e mental por meio dessa atividade. Há famílias pedindo a continuidade dessa atividade em União da Vitória e esperamos poder atender essas reivindicações”, explica o parlamentar.

Nos artigos do Projeto, consta que o Programa fará parte do organograma  da Secretaria Municipal de Saúde, sendo ligado diretamente ao secretário de Saúde e estabelece parcerias com as secretarias de Educação e Assistência Social.  Que as despesas decorrentes da implantação ocorrerão por conta de dotações orçamentárias próprias da Secretaria de Saúde, suplementadas se necessário e ainda, que a participação no Programa deverá ser por indicação médica e respeitar a cota disponibilizada conforme orçamento previsto pela Secretaria de Saúde, entre outros.

Tica ainda diz que está otimista quanto à aprovação do Projeto, que institui o Programa Municipal de Equoterapia, devido a sua importância e a relevância na saúde social.

Serão duas votações, que precisam da aprovação de 2/3 da Casa. Segundo turno será realizado dez dias após a primeira votação.

Para o presidente da Casa, Bughay, que está junto na idealização do Projeto, é de suma importância que União da Vitória ofereça essa atividade para a população em geral. Cita que até ano passado era realizado um convênio entre Prefeitura, Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) e Rancho, porém, apenas os alunos matriculados na Apae podiam realizar as atividades livres de mensalidade. Conclui que a ideia é transformar esse contexto em Lei, para que União da Vitória dê continuidade nesse trabalho independentemente da política e da gestão pública.

Mais informações sobre o Projeto de Lei você terá na sessão #14, que será realizada na segunda-feira (29), às 19h, na Câmara Municipal, Você também pode acompanhar a transmissão ao vivo da sessão pelo nosso site.

Deiwerson Damasceno dos Santos/Assessoria de Comunicação Social e Cerimonial

Veja Também

Vereadores de União da Vitória aprovam Utilidade Pública do Instituto Piamarta

Representantes do Instituto Piamarta de União da Vitória acompanharam a reunião ordinária da Câmara de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *